Movimento das águas, movimento da vida.

Texto: Roberta Graham / Fotos: Lou Gomes

Mara Mac homenageia o mar em seu desfile no Rio Moda Rio. 

Mara Mac Dowell não é uma estilista que trabalha com inspirações prévias para criar suas coleções. Sua criatividade toma forma em meio à discussões com sua equipe e ali conseguem descobrir e expressar a mensagem da estação. O desfile que a marca trouxe para o Rio Moda Rio teve o mar como elemento principal, seus azuis, verdes, areias e corais dominando a cartela de cores. Max Weber, que assinou a beleza, seguiu o mesmo conceito e trouxe luz para o rosto das modelos, usando dourados e pratas nas maçãs do rosto, côncavo e na parte superior dos lábios. As pálpebras, levemente pintadas de azul, representavam as águas. 

Escutar todas as referências de backstage, no entanto, não é suficiente para descrever o espetáculo que a Mara Mac trouxe para a sua passarela. Modelos que, a medida que terminavam sua volta, perfilavam-se com livros na mão - em cima de um chão inteiramente coberto de folhas secas. O físico que. ao microfone, anunciava números alarmantes sobre a vida, a morte e as prioridades da nossa sociedade. Mulheres nuas que surgiram em gigantescos balanços, representando a liberdade - uma alternativa que ainda nos é possível. 

A apresentação foi, merecidamente, aplaudida de pé.