A beleza e o medo

Texto: Déborah Klabin

Amanhã, dia 21 de fevereiro, inaugura no Museu de Arte do Rio – MAR, a exposição O nome do medo, da artista Rivane Neuenschwander, em colaboração com o fashion designer Guto Carvalhoneto.

Serão apresentadas 32 peças desenvolvidas num processo de criação iniciado a partir de 12 oficinas realizadas com 240 crianças com idades entre 6 e 13 anos.

O tema central do trabalho, -o medo- foi explorado a partir da ótica das crianças e traduzido em capas que serviriam justamente para combater tais temores. Tudo com riqueza de texturas e cores, lançando mão dos mais diversos materiais.  

Para a artista, o projeto permite questionar as origens psíquicas e sociais do medo e ajuda a criança na elaboração de seus conflitos. Rivane explica que “a oposição entre brincadeira e violência faz com que este trabalho ofereça condições singulares para que a criança manifeste seus anseios e temores, e para que os adultos reavaliem tanto a infância quanto a exposição cotidiana da criança à brutalidade, e, ainda, para que seja repensado como o medo decorre de um tipo de afeto coercitivo dentro da sociedade”.

Conversa de galeria: 16h

Serviço:

Ingresso: R$ 20 I R$ 10 (meia-entrada)

Terça a domingo, das 10h às 17h. Às segundas o museu fecha ao público. Para mais informações, entre em contato pelo telefone (55 21) 3031-2741 ou acesse o site www.museudeartedorio.org.br.

Endereço: Praça Mauá, 5 – Centro.