PROJETO LAB - CASA DE CRIADORES #3

Texto por Roberta Maria de Pádua    @bta_maria
Fotografia por Bruna Hissae       @bruna_hissae

Em seu terceiro dia, a Casa de Criadores recebe o Projeto Lab, que é a porta de entrada para marcas e estilistas em potencial. O lineup do Projeto nesta edição, conta com 6 marcas; Neriage por Rafaella Caniello, ACRVO, Rocio Canvas, Senplo,Carol Funke e Renata Buzzo. Esse criativos, mostraram-se na passarela, verdadeiras revelações.

Carol Funke, desfila pela segunda vez na Casa, trazendo o segundo capítulo de suas fábulas, "O baile de máscaras". Com referências de bailes de diferentes épocas. Nas peças há babados, uma profusão de tecidos e modelagem ampla, unida ao gigantismo, assinatura da marca. A cartela de cores carrega inspiração do trabalho de Henri Matisse.

Em colaboração com a artista Beatriz Gordello, também inspiradas no processo e obra do pintor, desenvolveram colagens sobre tecidos. A  beleza do desfile, que remete a uma mistura de ludismo a máscaras venezianas, ficou por conta de Amanda Shon.

A marca, Neriage por Rafaella Caniello, faz sua estreia na Casa com louvor. Inspirada na obra de Arthur Schopenhauer, O mundo como vontade e representação. Rafaella deixa se levar pela experimentação da matéria, indicando o caminho para o produto final. A coleção é quase inteiramente em tons de branco,  que vai se degradando até chegar em um look inteiramente vermelho. Sendo possível ver a passagem do tempo, por meio das cores, até chegar em sua fase final, o vermelho, a emoção, segundo a cromoterapia. Com um mix de texturas e formas, a modelagem da Neriage remete ao trabalho dos mestres Japoneses que revolucionaram a moda na década de 80.

Renata Buzzo, traz mais uma vez para passarela, questões pessoais unidas a um manifesto feminista. Intitulada "She Feels", ela traz peças bordadas a mão, sob um emaranhado de fios que dialogam com questões mal resolvidas, nós - nódulos, que nos prendem ao passado e nos desestabilizam. Ressaltando a importância do amor próprio e autocuidado.

Rocio Canvas, sob direção criativa de Diego Molichesk, estreia com uma coleção minimalista, em tons de branco e nude, com uma modelagem explorada. Quem assina o adorno é a marca Astral Acessórios, que trabalha com peças em latão banhadas a níquel, feitas artesanalmente. Com um ar futurista, os adornos selaram com harmonia, o styling da coleção.

A  ACRVO, chega pela segunda vez na Casa de Criadores, mostrando uma evolução no seu trabalho, em termos de proposta de modelagem. A coleção faz um retorno aos tempos de colégio, levantando a crítica ao bullying e intolerâncias, explícitos no trabalho de estamparia produzido pela marca.